Portal JNMT
Portal JNMT
NOTICIAS

#Jovem morre na Austrália 8 anos depois de comer lesma e ter o corpo paralisado

Data: Terça-feira, 06/11/2018 20:28
Fonte: Por G1
Foto: Reprodução

O ex-jogador de rúgbi Sam Ballard, de 28 anos, morreu na sexta-feira (2) vítima de um verme que contraiu há oito anos após comer uma lesma durante uma aposta com amigos em Sidney, na Austrália. Uma doença causada pelo parasita deixou quase todo o corpo do jovem paralisado durante esse tempo.

De acordo com depoimentos dados à imprensa australiana, Ballard bebia vinho em um encontro com os amigos quando o grupo percebeu uma lesma passar pelo chão do terraço onde estavam. Provocado pelos companheiros, o jovem, à época com 19 anos, engoliu o animal vivo.

 
 
 

Somente dias depois, Ballard começou a se sentir mal. Primeiro, dores nas pernas. Ele e a família, então, procuraram um médico – suspeitava-se de esclerose múltipla, doença que acometeu o pai do rapaz.

Mas diagnóstico mostrou que Ballard contraiu meningite eosinofílica, uma das doenças causadas pelo verme Angiostrongylus cantonensis. Lesmas e caramujos são hospedeiros naturais desse parasita, que, muitas vezes, é contraído após esses moluscos consumirem fezes de rato.

A maioria dos casos não evolui para complicações. Em Ballard, porém, a doença o deixou em coma por 420 dias. Quando acordou, todo o corpo estava paralisado.

 

Comoção popular

 

A história ganhou páginas de jornais australianos e espaço em programas de TV do país, mostrando os cuidados da mãe, Katie, com o jovem paralisado. Ballard perdoou os amigos que o provocaram a engolir a lesma, e eles continuaram a fazer parte do dia-a-dia do ex-jorgador de rúgbi.

 
 

Segundo relato da jornalista Lisa Wilkinson, apresentadora de um programa de televisão que retratou a vida de Ballard, o rapaz passou os últimos dias de vida cercado pelos amigos e da mãe.

 

O funeral de Ballard está marcado para esta quinta-feira (8). Em postagem nas redes sociais, Jimmy Galvin, um dos amigos presentes na brincadeira em que Ballard comeu a lesma, convocou amigos cantores e músicos acústicos para participar da cerimônia.

 

Essa lesma existe no Brasil?

 

 
Infestação de caramujos em Colatina, no Espírito Santo, preocupa moradores — Foto: Wando Fagundes/ TV Gazeta

Infestação de caramujos em Colatina, no Espírito Santo, preocupa moradores — Foto: Wando Fagundes/ TV Gazeta

Não se sabe qual a espécie de lesma o jovem australiano engoliu. No entanto, casos recentes envolvendo caramujos que também podem transmitir o parasita foram registrados no Brasil.

Recentemente, caramujos africanos foram encontrados no Maranhão, no Espírito Santo, no Acreem São Paulo , em Pernambuco e em Minas Gerais. Além da meningite, os moluscos podem transmitir esquistossomose, outra doença causada por verme.

PUBLICIDADE