Portal JNMT
Portal JNMT
NOTICIAS

#Mulher vai à delegacia para denunciar agressão e é detida por esconder feto em freezer após aborto em MT

Data: Terça-feira, 27/11/2018 13:08
Fonte:
Foto: Reprodução

Uma mulher de 36 anos foi detida, no domingo (25), em Confresa a 1.160 km de Cuiabá, depois de esconder um feto dentro de um freezer na casa dela após um aborto. Segundo a Polícia Civil, a detida – que não teve a identidade divulgada, havia ido até a delegacia para relatar supostas agressões sofridas por ela, quando o caso foi denunciado.

O caso foi registrado em uma residência no Bairro Vila 2000.

Após a denúncia, policiais militares e civis se deslocaram até a casa da mulher. De acordo com a Polícia Civil, ao chegar no local, a mulher correu para dentro da residência e retirou o feto do freezer e colocou dentro da calcinha para tentar escondê-lo.

Em depoimento, a detida contou que foi vítima de um aborto espontâneo e chegou a ser atendida em um hospital.

A mulher contou ainda que ficou com medo de ser presa e, por isso, tentou esconder o feto na calcinha.

À polícia, o hospital confirmou que a mulher passou por um atendimento na sexta-feira 923), mas não detalhou o tipo da assistência. Na unidade, um procedimento administrativo foi aberto para verificar se a paciente abortou no local e como ela conseguiu deixar o local com o feto.

A mulher também deve passar por exames que possam apontar possíveis procedimentos invasivos para a retirada do feto e exame toxicológico para detecção de medicação provocando o aborto.

 

Agressão

 

A Polícia Civil também vai investigar as acusações de agressão e injúria relatadas pela mulher. Segundo ela, o ex-marido e a atual convivente dele teriam a agredido quando foram entregar o filho do casal, que passava o final de semana com o pai.

 

Por André Souza, G1 MT

PUBLICIDADE