sábado, 08 de maio de 2021

NOTÍCIAS

Data: Segunda-feira, 03 de maio de 2021     Fonte: Tangará em Foco

PM intercepta rede de tráfico de drogas que atuava em Campo Novo

Reprodução da Internet

A Polícia Militar conseguiu prender indivíduos envolvidos com o tráfico de drogas na cidade de Campo Novo do Parecis. Em uma operação os policiais conseguiram interceptar os criminosos, impedindo que uma quantidade relevante de entorpecentes acabasse sendo comercializada.

“Recebemos informações que em determinada boate localizada na Avenida Amazonas, no bairro Jardim das Palmeiras, havia um elemento com tatuagem no rosto e uma garota de programa loira que estaria comercializando entorpecentes. Diante das informações deslocamos no endereço e quando chegamos nos deparamos com o conduzido que retirou seu celular do bolso e atirou no chão, danificando o mesmo por completo. Realizamos abordagem no mesmo onde encontramos em sua carteira R$ 371”, informou a polícia.

Em seguida os policiais pediram que todas as garotas que estavam no local se posicionarem na área externa para procedimento de checagem. “Neste momento chegou até o local a conduzida que declarou ser namorada do acusado e que em seu quarto havia algumas porções de maconha e balança de precisão, mas que este ilícito pertencia a ele”, explicou a PM.

Em revista a polícia localizou 32 gramas de substância análoga a maconha, duas balanças de precisão. A envolvida informou a guarnição que o casal pratica tráfico de entorpecentes para sustentar seus filhos que moram no Acre.

Durante a ação, os policiais ouviram gritos em outro quarto, próximo a boate. Ao se deslocarem para o ponto onde ocorreu o grito, no pátio de um condomínio, um indivíduo foi visto com uma mochila preta, ao avistar a guarnição, o mesmo tentou adentrar em um quarto, mas foi alcançado.

Os policiais realizaram a abordagem, localizando no interior da mochila 18 porções de substância análoga maconha, uma quantidade da mesma substância em galhos e aproximadamente 30 gramas de substância análoga a cocaína, com várias sacolas plásticas para embalar entorpecentes e uma mochila de cor preta.

“Após a guarnição deixar o local, recebemos informações que um elemento iria buscar parte da droga que teria ficado escondida no condomínio. Ao chegar no local, foi avistado o conduzido deixando o condomínio com três porções de substância análoga a pasta base de cocaína, totalizando aproximadamente 75 gramas. Diante do fato exposto, todos foram encaminhados pra a Delegacia de Polícia”, concluiu a polícia.