domingo, 13 de junho de 2021

NOTÍCIAS

Data: Terça-feira, 08 de junho de 2021     Fonte: G1 MT

Técnico de enfermagem de MT deixa profissão após sucesso como 'Ken humano' sem procedimentos estéticos

Felipe Duarte, de 25 anos, utiliza apenas a maquiagem para se transformar no personagem.
Reprodução

Um técnico de enfermagem de Diamantino, a 203 km de Cuiabá, deixou a profissão, há um mês, para se transformar no 'Ken humano' e seguir carreira artística com o personagem. Felipe Duarte, de 25 anos, disse que não possui nenhum procedimento estético e utiliza apenas a maquiagem para se transformar no boneco dos desenhos.

A inspiração de Felipe é o namorado da boneca 'Barbie' devido ao padrão de beleza que ele simboliza. O técnico afirmou que nunca fez curso e que aprendeu as técnicas de maquiagem assistindo vídeos na internet.

Ele começou a tirar fotos como modelo e agora sonha em ser reconhecido mundialmente.

"Toda essa repercussão começou há um mês. Não tenho curso, apenas comecei a pesquisar sobre a vida do Ken e da Barbie, então fui buscando como seria me tornar o 'Ken humano' nas maquiagens", contou.

Felipe disse que amava trabalhar como técnico de enfermagem, mas que precisou largar a profissão para conseguir se dedicar à carreira como 'Ken humano'.

"Tive que abandonar para investir nessa carreira. Dói meu coração, porque eu amo o que faço e faço por amor ao próximo", disse.

No dia a dia, Felipe disse que gosta de ser ele mesmo e que só se transforma quando se sente inspirado.

"Me sinto privilegiado ao saber que sou comparado com essa beleza exuberante, fico feliz, porque o Ken é uma perfeição no mundo da estética, então eu vim trazer algo diferente, vim trazer o poder da maquiagem", pontuou.

Segundo Felipe, o apoio da família e dos amigos começou, após a repercussão que ele teve nas redes sociais.

"Agora eles gostam do personagem, me apoiam, me ajudam. Hoje tenho até alguns empresários que acreditam em mim", explicou.

O 'Ken humano' disse que ainda não conseguiu ter uma renda garantida se transformando no boneco, mas que, devido ao sucesso nas redes sociais, conquistou parcerias com empresas da cidade.

"Estou só gastando, por enquanto. Ganho pouco por ser digital influencer e fazer parcerias. Dói abandonar minha profissão de cuidar do próximo para dar vida ao lado artístico, mas seja o que Deus quiser", ressaltou.

Felipe afirmou que espera que no futuro ele seja reconhecido mundialmente como o 'Ken humano', mas que é grato pelo que conquistou até agora.