sábado, 23 de outubro de 2021

NOTÍCIAS

Data: Segunda-feira, 11 de outubro de 2021     Fonte: G1 MT

Temporal alaga estradas e inunda fazendas de soja em MT

Segundo produtores, choveu 130 milímetros na região
Reprodução

Uma chuva forte atingiu a zona rural do norte de Mato Grosso nesta segunda-feira (11), segundo os agricultores da região, choveu 130 milímetros em 50 minutos. A medição oficial ainda não foi divulgada.

As imagens mostram que a estrada foi completamente tomada pela chuva e ficou alagada. No local, há o cultivo de soja para a primeira safra de 2022. A plantação foi semeada recentemente.

Mesmo com a grande quantidade de chuva, os produtores da região acreditam que não haverá prejuízo nas sementes plantadas.

A chuva na região foi registrada entre 13h10 e 14h.

O vídeo foi gravado na estrada chamada Linha Celeste, que liga Sorriso, a 420 km de Cuiabá ao município de Vera, a 486 km da capital. As imagens foram feitas pelo funcionário de uma fazenda local, Vagner Konradt.

Também choveu bastante na cidade de Sorriso. A fazenda experimental do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT) aponta que choveu 14,2 milímetros entre Sorriso e Lucas do Rio Verde.

Segundo o agrometereologista, João Castro, é comum que aconteça chuvas assim em Mato Grosso por causa das altas temperaturas. Segundo ele, neste período do ano, ocorrem chuvas extremas e formação de tempestade de forma isolada.

Ele destacou que o pior dessas tempestades é a chuva de pedra que tem potencial de destruir parcialmente a planta, a impedindo de fazer fotossíntese. Ela precisa ser substituídas, gerando custos ao produtor.

"Um alento é que os eventos de pedra ocorrem em uma pequena área. O evento está ligado ao calor, é normal que ocorra", disse.