quarta, 18 de maio de 2022

NOTÍCIAS

Data: Quarta-feira, 11 de maio de 2022     Fonte: Gazeta Digital/ Rodrigo Costa

Ministério Público de Mato Grosso vai adquirir 170 celulares por R$ 225 mil

Reprodução

O Ministério Público de Mato Grosso (MPMT) deve adquirir 170 smartphones novos pelo valor de R$ 224.900,00. Duas empresas foram contempladas no processo de licitação que teve resultado publicado no Diário Oficial Eletrônico (DOE) no dia 12 de abril.

A Via Comércio e Representação de Informática Eirelli vai fornecer 100 celulares modelo Galaxy A32 a R$ 1.584,00 a unidade, totalizando R$ 158.400,00. A outra empresa vencedora do pregão é registrada como Rosangela Ignacio de Oliveria LTDA e vai fornecer 70 Galaxy A12 pelo valor unitário de R$ 950,00, com custo total de R$ 66.550,00.

O registro de preços para futura e eventual aquisição dos aparelhos foi anunciado também no DOE do dia 12 de abril.

De acordo com o órgão, “a contratação visa atender à necessidade de manter em pleno funcionamento o canal de comunicação entre a sociedade e os membros e servidores do Ministério Público do Estado de Mato Grosso''.

Os aparelhos atendem as especificações descritas pelo órgão, como sistema operacional android 10.0 e 11.0 ou iOS 15.3 ou versão mais atualizada. Ainda na solicitação, o MP estipula aparelhos com memória interna mínima de 64GB e máxima de 128GB, display Full HD e tela mínima de 6,4 polegadas.

No caso do Samsung Galaxy A32, o aparelho é intermediário. O Galaxy A12, por sua vez, é um telefone de entrada.

Polêmica com celulares em 2021.

Polêmica em 2020

Essa é a segunda solicitação de compra de telefones celulares pelo Ministério Público de Mato Grosso. Em 2021, o orgão se envolveu em uma polêmica com a compra de 400 aparelhos smartphones por R$ 2.2 milhões. Só para iPhone foram estipulados gastos R$ de R$ 1.6 milhão.