sexta, 03 de julho de 2020

NOTÍCIAS

Data: Segunda-feira, 29 de agosto de 2011     Fonte: Juína News

Em Juína técnica em enfermagem é encontrada morta; ex-marido é suspeito - imagens fortes

A técnica em enfermagem Elenilza Alves Moreira de 25 anos foi encontrada morta em sua residência na Rua Topázio, no bairro módulo – 4, em Juína-MT. Ela foi encontrada por vizinhos que perceberam algo de errado na casa. Segundo as informações do boletim de ocorrência, seu corpo foi encontrado por volta das 17h25m deste domingo (28.08).

 

Ao se aproximarem da casa, os vizinhos viram a porta entre aberta e sentiram o odor que saia da casa, resolveram abrir – lá, e encontraram a moça  sem vida. Devido às operadoras de celulares não estarem funcionando neste domingo, as testemunhas foram ao Copom e informaram a Polícia Militar. A Polícia Civil também foi acionada e fez o local de crime, mas devido o avançado estado de decomposição do corpo não foi possível visualizar se havia ou não sinais de violência. O corpo foi liberado e encaminhado ao necrotério da Funerária Alternativa e o medico legista após a perícia informou que Elenilza foi morta por enforcamento.

 

Baseado em depoimentos a polícia, o crime já pode ter uma linha de investigação, a técnica em enfermagem teve um relacionamento com um rapaz identificado como Claudemir que é suspeito de ter praticado este homicídio, contra ele a vitima já havia registrado boletins de ocorrência por agressão, e na possível noite do crime ele foi visto rodeando à residência de sua ex- esposa que pode ter sido morta ainda na sexta-feira (26.08).

 

Ainda na sexta-feira dia 26, com medo, a vitima enviou uma mensagem de texto ao celular de um amigo dizendo que Claudemir estaria rondando sua casa. Elenilza trabalhava no laboratório municipal e havia passado este ano no concurso público realizado pela prefeitura municipal, era moradora do município de Juruena onde residem seus familiares, e morava sozinha em Juína. Seu aparelho celular não foi encontrado em sua residência, o quarto onde ela estava não havia sinais de que poderia ter ocorrido furto ou roubo. As investigações já iniciaram e o crime poderá ser elucidado em breve.

 

As imagens a segir são fortes